© 2016 Copyright Melissa Haidar  

 

  • Blogger - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • Google+ - Grey Circle
  • Facebook - Grey Circle
  • Pinterest - Grey Circle

1/9

HISTÓRIAS CRUZADAS POR MELISSA HAIDAR

 

A OBRA APRESENTADA POR MELISSA HAIDAR – HISTÓRIAS CRUZADAS – REVELA UM REPERTÓRIO BASTANTE CONHECIDO NA ARTE CONTEMPORÂNEA: O USO DA FOTOGRAFIA DIGITAL PARA NARRAR O COTIDIANO DE UM ARTISTA.

UTILIZANDO O CELULAR COMO CÂMERA E O INSTAGRAN COMO PRINCIPAL FERRAMENTA, HAIDAR CAPTA OS MOMENTOS DO DIA-A-DIA, FORMANDO UMA ESPÉCIE DE AGENDA DE IMAGENS QUE SE FORMAM EM DUPLAS, TRIPTICOS, QUE SE REAGRUPAM FORMANDO OUTRAS NARRATIVAS, OUTRAS HISTÓRIAS.

TODA ESTA CONFIGURAÇÃO ESPACIAL QUE PODEMOS CHAMAR DE OBJETO-INSTALAÇÃO, ESTÁ BEM DEFENDIDA PELA ESCOLHA DA MONTAGEM DA OBRA, VALENDO-SE DE UM ACABAMENTO QUE PERMITE QUE AS IMAGENS “FLUTUEM” E SE DESCOLEM DA PAREDE, COM UMA LIBERDADE VISUAL QUE MUITO SE ASSEMELHA ESTÉTICA E POETICAMENTE A UM TIPO DE PALAVRAS CRUZADAS, ONDE UMA LETRA, UMA DICA, NO CASO UMA IMAGEM, DÁ UMA PISTA PARA A FORMAÇÃO DE OUTRA IMAGEM, OUTRA HISTÓRIA, HISTÓRIAS AGORA CRUZADAS.

 

LUCRÉCIA COUSO

CURADORA

MARÇO 2015